Pokemon, o jogo que traz espiões para dentro de casa

Tudo começou com as ligações da Niantic com a CIA, agência de espionagem americana

Tudo começou com as ligações da Niantic com a CIA, agência de espionagem americana

 

Pokémon Go é uma gigantesca corporação do governo americano para espionar nossas casas? Essa possibilidade começou em fóruns como o Reddit e ganharam força mediante aos fatos.

A teoria da conspiração tem fundamentação e por isso nós a destrinchamos logo abaixo. Se isso vai influenciar negativamente (esperamos que sim) quando o game chegar no Brasil aí cada um decide.

O presidente da desenvolvedora Niantic é um cara, digamos, suspeito.

O presidente da desenvolvedora Niantic é um cara, digamos, suspeito.

 

John Hanke é o CEO da Niantic e especialista em mapeamento de ambientes e superfícies, com apps móveis. a Niantic é uma start-up da Google. Os laços da Google com o Big Brother são bem conhecidos. Ele fundou uma empresas para isso, a Keyhole

A Keyhole foi comprada pelo Google

A Keyhole foi comprada pelo Google

 

A Keyhole foi comprada pelo Google, um projecto de mapeamento de superfícies cujos direitos foram comprados pela mesma Google e utilizados para criar o Google-Maps, o Google-Earth e o Google Streets. E agora, atenção, observe as mãos! A Keyhole, Inc. foi patrocinada por uma empresa de capital de risco chamada In-Q-Tel , que é uma fundação oficialmente da CIA estabelecida em 1999.

Patrocínio da CIA

Patrocínio da CIA

 

Em 2003, o fundo de investimentos In-Q-tel anunciou uma grana estratégica na Keyhole. Para quem não sabe, o In-Q-tel pertence a CIA, a principal agência de espionagem americana. As aplicações mencionadas acima resolvem desafios importantes: Atualização do mapeamento da superfície do planeta, incluindo estradas, bases [militares] e assim por diante. Outrora tais mapas eram considerados estratégicos e confidenciais. Os mapas civis continham erros propositais. Robots nos veículos da Google Streets olhavam tudo por toda a parte, mapeando nossas cidades, carros, caras… Mas havia um problema. Como espiar dentro dos nossos lares, porões, avenidas com árvores, quartéis, gabinetes do governo e assim por diante? Como resolver isso? O mesmo estabelecimento, Niantic Labs, divulgou um brinquedo genial que se propagou como um vírus, com a mais recente tecnologia da realidade virtual. Uma vez descarregada a aplicação e dadas as permissões adequadas (para acessar a câmara, microfone, giroscópio, GPS, dispositivos conectados, incluindo USB, etc) o seu telefone vibra de imediato, informando acerca da presença dos três primeiros pokemons! (Os três primeiros aparecem sempre de imediato e nas proximidades).

 

 

 

 

Mapas internos?

Mapas internos?

Até aí tudo é público e pode ser encontrado facilmente na internet, mas agora a conspiração surge. Segundo os conspirólogos, Pokémon Go foi criado para mapeamento interno de ambientes. O jogo exige que você dispare para todos os lados, atribuindo-lhe prémios pelo êxito e ao mesmo tempo obtendo uma foto da sala onde está localizado, incluindo as coordenadas e o ângulo do telefone. Parabéns! Acaba de registar imagens do seu apartamento! Preciso explicar mais? A propósito: ao instalar o jogo você concorda com os termos do mesmo. E não é coisa pouca. A Niantic adverte-o oficialmente: “Nós cooperamos com agências do governo e companhias privadas. Podemos revelar qualquer informação a seu respeito ou dos seus filhos…”. Mas quem é que lê isso?

Os monstrinhos grátis

Os monstrinhos grátis

 

Para provar isso, eles mostram que os três primeiros pokémon são gratuitos e encontrados na CASA de quem joga. É uma forma da CIA conhecer nossas casas, já que estamos com o GPS ativado

Seu celular espiona você mesmo

Seu celular espiona você mesmo!

 

Para piorar, só é possível jogar com sua câmera, GPS, microfone e até USB ligados. Isso significa que a Niantic, uma empresa que pertence a Alphabet (controladora do Google), possui dados detalhados do ambiente onde você anda e o que é falado ao redor

O Google colabora com o governo

O Google colabora com o governo

 

Segundo os conspiradores, O Google é descrito como uma das empresas que colaboram com a NSA e outras agências de segurança norte-americanas. Não parece ser o local ideal para guardar seus dados

A política de privacidade do game

A política de privacidade do game

 

O item 6 dos termos de serviço do game definem claramente como esses dados podem ser compartilhados livremente com o governo ou empresas privados, respeitando apenas critérios da própria empresa

O que você pode fazer quanto a isso?

O que você pode fazer quanto a isso?

 

Torcer para nada de ruim acontecer, porque não existe uma forma, digamos, “privada” de encarar o game, mas saiba que seus dados.

, ,
One comment on “Pokemon, o jogo que traz espiões para dentro de casa

Deixe uma resposta