Governo do Estado de São Paulo retira aulas de História, Geografia e Ciências do ensino fundamental

Com nova diretriz, aulas de História, Geografia e Ciências foram retiradas dos três primeiros anos

Os alunos dos três primeiros anos das escolas de ensino integral do ensino fundamental da rede pública do Estado de São Paulo não terão mais aulas de História, Geografia e Ciências. A nova diretriz da Secretaria Estadual de Educação é válida para as 297 unidades que migraram para o ensino integral.

Desta forma, mesmo ficando 8 horas por dia na escola, os alunos não terão aulas de ciências físicas e biológicas, história e geografia. Por outro lado, terão 15 aulas de língua portuguesa por semana no 1º e 2º anos, o que equivale a 60% da carga horária semanal. O restante será ocupado por matemática, com 6 aulas, 25% da carga horária semanal, e educação física e arte, com 4 aulas. No 3º ano, a carga horária de matemática sobe para 40% e a de língua portuguesa cai para 35%.

A Secretaria Estadual de Educação defende que o objetivo da reformulação é tornar o currículo escolar “mais atraente”. De acordo com a pasta, o processo que culminou na reformulação começou em 2011 e teve a colaboração de dirigentes e supervisores.

Maria Izabel Noronha, presidente da Apeoesp, criticou as mudanças na grade de disciplinas. “Tem de haver um fortalecimento em português e matemática, mas não retirar totalmente outras disciplinas. As crianças precisam ter acesso ao conhecimento geral, senão a escola fica só para habilitar”, disse. “Até questões de higiene vêm com essas disciplinas”, completou Noronha.

A consultora em educação Ilona Becskehazy também não concordou com as mudanças. “Não faz sentido. A tendência mundial tem sido trazer a reflexão científica para o 1º ano”, disse.

Com informações do jornal O Estado de S.Paulo e www.revistaforum.com.br

, ,

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *