A armadilha da proteção de Emma Goldman – Livro

A armadilha da proteção de Emma Goldman - Livro

Dando prosseguimento a tradução o livro “El amor libre” organizado pelo Osvaldo Baigorria, vai para o ar um texto de Emma Goldman chamado “A armadilha da proteção”. O texto trata da questão do matrimônio, da regulação do amor, traçando duras críticas a esta instituição, além de tratar da questão do amor por uma perspectiva anarquista.
O matrimônio e o amor não possuem nada em comum; estão tão longe entre si como dois pólos, inclusive, antagônicos. O matrimônio é antes de tudo um acordo econômico, um seguro que só se diferencia dos seguros de vida correntes no que é mais vinculador e rigoroso. Os benefícios que se obtém dele são insignificantes em comparação com o que se paga por ele. Quando se assina uma apólice de seguros, se paga dinheiro e se tem sempre a liberdade de interromper os pagamentos. Entretanto, se o prêmio de uma mulher é um marido, tem que pagar por ele com seu nome, sua vida privada, o respeito de si mesma e sua própria vida “até que a morte os separe”. Além disso, o seguro do matrimônio a condena a depender do marido por toda vida, ao parasitismo e à completa inutilidade, tanto do ponto de vista individual quanto social. O homem também paga o seu tributo, mas como sua esfera de vida é muito mais ampla, o matrimônio não o limita tanto quanto à mulher. As correntes do marido são muito mais econômicas.

Veja também: Anarquistas sobre as instituições família, casamento, herança, divórcio

Baixar o livro: A armadilha da proteção de Emma Goldman – Livro

,

Deixe uma resposta